Hora do Povo – Edição nº 3.892

Toda a verdade em 8 páginas O governo de Jair Bolsonaro foi alertado, em junho e julho de 2021, pelo governo de Roraima, sobre a catástrofe humanitária nas comunidades yanomamis e não enviou as cestas básicas que foram requeridas, registram ofícios daquele ano. Dois deles confirmam que o governo Bolsonaro deixou de agir para salvarContinuar lendo “Hora do Povo – Edição nº 3.892”

Jornal Hora do Povo, 43 anos dedicados à denúncia politica

Publicado originalmente em Blog do Renato:
por?Carlos Lopes Para saber o guarda-chuva que precisamos, é preciso, antes, saber a qualidade da chuva. Da mesma forma, para resistir aos lobos que assediam a aldeia, é preciso a união da coletividade com seus instrumentos de defesa. Para muitos que não viveram a época, a ditadura do golpe…

Relembre empresas que passaram por crises, como a da Americanas, e não resistiram

Com informações do Diário do Comércio Quem há mais tempo circula na capital paulista sabe que os protestos eram em frente ao Mappin, o outrora famoso magazine da Praça Ramos de Azevedo, defronte ao Teatro Municipal. O informativo da Associação Comercial de São Paulo conta sua história e de outras quatro empresas, em que sóContinuar lendo “Relembre empresas que passaram por crises, como a da Americanas, e não resistiram”

Hora do Povo – Edição nº 3.891

Toda a verdade em 8 páginas O presidente Lula determinou, nesta segunda-feira (30), o bloqueio do tráfego aéreo e fluvial na região da Terra Indígena Yanomami, em Roraima, como medida para proteção dos indígenas e combate ao garimpo criminoso. Essas e outras iniciativas “visam combater, o mais rápido possível, o garimpo ilegal e outras atividadesContinuar lendo “Hora do Povo – Edição nº 3.891”

O melhor do mês – Janeiro de 2023

+lida Destaque de crítica Nos livramos, no essencial, do pior, mas há muito a fazer para reconstruir o Brasil Três antigas cidades aniversariaram no mês e duas histórias para animar a fé no futuro do Brasil! Edição de Dezembro Feliz Ano Novo! Vacina Sim!

Hora do Povo – Edição nº 3.890

Toda a verdade em 8 páginas Nesta segunda-feira (23), o ministro da Justiça, Flávio Dino, anunciou que a Polícia Federal vai começar a investigar nesta semana se houve omissão por parte de agentes públicos que levaram à tragédia humanitária na Terra Indígena Yanomami. “Há indícios fortíssimos de materialidade do crime de genocídio”, declarou o ministro.Continuar lendo “Hora do Povo – Edição nº 3.890”

Hora do Povo – Edição nº 3.889

Toda a verdade em 8 páginas Lula reúne 27 governadores e vices contra o terrorismo: “eles querem golpe e não vai ter”. Depois da reunião, Lula convidou os governadores para irem a pé vistoriar o que os vândalos, terroristas e fascistas fizeram no STF e prestar solidariedade à presidente da Corte, Rosa Weber. Leia aContinuar lendo “Hora do Povo – Edição nº 3.889”

Hora do Povo – Edição nº 3.888

Toda a verdade em 8 páginas O ministro da Justiça de Lula, Flávio Dino enfatizou, em entrevista nesta segunda-feira (9), que as ações do governo federal, adotadas na hora certa, foram decisivas para que os golpistas e criminosos não tivessem êxito em seus intentos de ruptura da lei. Outro resultado foi que “as Forças ArmadasContinuar lendo “Hora do Povo – Edição nº 3.888”

Cresce a frente ampla em defesa da democracia e isola Bolsonaro e seus terroristas

Açulados pelas redes do capitão fujão, que de Miami instigava a agressão aos Poderes constituídos da República Federativa do Brasil, terroristas bolsonaristas destruíram obras de arte de Niemeyer a Di Cavalcanti, ante a inépcia do governador afastado do Distrito Federal e de seu ex-ministro de Bolsonaro que ocupava a Secretaria de Segurança distrital. As manifestaçõesContinuar lendo “Cresce a frente ampla em defesa da democracia e isola Bolsonaro e seus terroristas”

Mourão e sua esquisita forma de amar o Brasil

Eng. Celso Soares Como seu chefe Bolsonaro, seu então vice Mourão mentiu em cadeia nacional de TV, nos estertores de um desgoverno, e o fez descaradamente. O Brasil está quebrado, a fome e a miséria tomaram conta de nosso povo, nossas empresas e industrias quebradas, as que resistiram encontram-se muitas em situação pré-falimentar. O queContinuar lendo “Mourão e sua esquisita forma de amar o Brasil”