O fim da privataria?

O presidente Lula anunciou, em seu discurso de posse, a suspensão dos processos de alienação do patrimônio público que se encontravam em andamento, frustrando o açodo dos que “se organizaram para arrematar o leilão”, para emprestrar as palavras de Frederico Bussinger. Especialista em logística, o engenheiro do Idelt tratou no Periscópio os casos dos portosContinuar lendo “O fim da privataria?”

Mourão e sua esquisita forma de amar o Brasil

Eng. Celso Soares Como seu chefe Bolsonaro, seu então vice Mourão mentiu em cadeia nacional de TV, nos estertores de um desgoverno, e o fez descaradamente. O Brasil está quebrado, a fome e a miséria tomaram conta de nosso povo, nossas empresas e industrias quebradas, as que resistiram encontram-se muitas em situação pré-falimentar. O queContinuar lendo “Mourão e sua esquisita forma de amar o Brasil”

Em 2022 o peso da economia subterrânea no PIB foi de 17,8% e movimentou cerca de R$ 1,7 trilhão

Publicado originalmente em Blog Cidadania & Cultura:
Edson Luiz Vismona é presidente do ETCO (Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial)Fernando de Holanda Barbosa Filho é economista do FGV/Ibre. Ambos escreveram o artigo de divulgação ( Opinião _ Valor Econômico) abaixo compartilhado. PIB no ano de 2022, como mostra o Índice da Economia Subterrânea (IES). Este resultado…

Ipea apresenta plataforma de políticas públicas

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) apresenta a plataforma virtual Catálogo de Políticas Públicas, que agrega informações sobre as políticas públicas, no âmbito do Poder Executivo Federal. A iniciativa visa permitir o conhecimento, a sistematização e dar transparência ao universo de políticas públicas no âmbito da União. Além disso, serve como fonte de dados paraContinuar lendo “Ipea apresenta plataforma de políticas públicas”

Cidadania brasileira em transição

O gabinete de transição do presidente diplomado Luiz Inácio Lula da Silva, chefiado pelo vice Geraldo Alckmin, trouxe em cem páginas o seu relatório de avaliação das condições de governo, “radiografando” o desmonte do Estado e das políticas públicas em três blocos para, à sequência, discriminar medidas concretas de enfrentamento aos problemas apontados: A marcaContinuar lendo “Cidadania brasileira em transição”

Democracia brasileira em transição

O gabinete de transição do presidente diplomado Luiz Inácio Lula da Silva, chefiado pelo vice Geraldo Alckmin, trouxe em cem páginas o seu relatório de avaliação das condições de governo, “radiografando” o desmonte do Estado e das políticas públicas em três blocos para, à sequência, discriminar medidas concretas de enfrentamento aos problemas apontados: O terceiroContinuar lendo “Democracia brasileira em transição”

Economia brasileira em transição

O gabinete de transição do presidente diplomado Luiz Inácio Lula da Silva, chefiado pelo vice Geraldo Alckmin, trouxe em cem páginas o seu relatório de avaliação das condições de governo, “radiografando” o desmonte do Estado e das políticas públicas em três blocos para, à sequência, discriminar medidas concretas de enfrentamento aos problemas apontados: Tratando-se aquiContinuar lendo “Economia brasileira em transição”

Água segura é direito público universal

Enquanto no Brasil discute-se a privatização da Sabesp, que fornece água limpa para mais da metade dos municípios paulistas, o movimento mundo afora vai no sentido inverso: segundo o Diário do Centro do Mundo, ao menos 180 cidades de 35 países recuperaram a gestão do serviço. No exemplar caso de Setubal, em Portugal, a reestatizaçãoContinuar lendo “Água segura é direito público universal”

Caos administrativo: Bolsonaro deixa serviços públicos à beira do colapso

Publicado originalmente em Luíz Müller Blog:
INSS pode parar a partir de quarta, e federais não têm dinheiro para pagar despesas. “O responsável por essa tragédia tem nome e sobrenome: Jair Bolsonaro”, aponta Humberto Costa Denunciada por integrantes do Gabinete de Transição de governo, a ameaça de colapso nos serviços públicos em dezembro…

Tancredo Neves, Patrono da Redemocratização Brasileira

Segue à sanção presidencial decisão do Senado da República que declara o ex-presidente Tancredo Neves Patrono da Redemocratização Brasileira, informa o Senado Notícias. A eleição do mineiro pôs termo à ditadura vigente no Brasil de 1964 a 1985, dando início à Nova República. Internado na véspera da posse, completou a sua vida em 21 deContinuar lendo “Tancredo Neves, Patrono da Redemocratização Brasileira”