Baixada Santista: situação sanitária em agosto

Por dois meses é cadente o número de internações na Baixada Santista e, felizmente, a disponibilidade de leitos de UTI voltou a aumentar na região. O isolamento social tem sido reduzido mais discretamente do que a flexibilização permitida pelas autoridades sugeriria, como se vê no exemplo ao lado. Então, por que a Baixada Santista fechouContinuar lendo “Baixada Santista: situação sanitária em agosto”

Política Externa Brasileira contraria Interesses Comerciais Nacionais

Publicado originalmente em Blog Cidadania & Cultura:
A atual política externa brasileira se submeteu, voluntária e ideologicamente, aos EUA. Compra uma “guerra comercial”, contrariando os próprios interesses nacionais, contra o maior parceiro comercial brasileiro: a China! Arícia Martins (Valor, 27/07/2020) informa: contrariando expectativas de que a pandemia causaria estrago maior no comércio do Brasil com…

Uma reflexão para o cair da tarde*

No Brasil, um brasileiro acordou e desligou o despertador fabricado na China, que marcava 8 horas da manhã. Calçou seu chinelo feito no Paraguai, tomou um banho quente no chuveiro elétrico também chinês e enxugou-se em uma toalha da Indonésia. Fez café na cafeteira importada do Japão e procurou trabalho no seu computador feito naContinuar lendo “Uma reflexão para o cair da tarde*”

Resgatar a Nação e o papel do Estado na economia

Já havíamos apresentado as lições de economia de Luis Beluzzo e Nilson Araujo de Souza, mas a reunião de ambos, a convite da Central Geral dos Trabalhadores do Brasil (CGTB), permite ter um diagnóstico convalidado “pela segunda opinião” da situação brasileira hoje e suas saídas emergencial e duradoura. O presidente da Central, Ubiraci Dantas deContinuar lendo “Resgatar a Nação e o papel do Estado na economia”

Salvar vidas e a economia, aponta Direitos Já!

De liberais a comunistas, Direitos Já! Fórum pela Democracia, coordenado pelo sociólogo Fernando Guimarães e que congrega representantes de 17 partidos políticos, reuniu dez expoentes da nacionalidade para estabelecer uma agenda econômica mínima capaz de, ao mesmo tempo, salvar vidas e reativar a economia brasileira. Concluem os redatores: O Brasil não precisa inventar a roda: tem capacidadeContinuar lendo “Salvar vidas e a economia, aponta Direitos Já!”

Nova Luz

Reproduzo crônica nossa de dez anos atrás, sobre o comércio especializado paulistano, do Bom Retiro ao Brás, que nos parece atual: Sou filho do Bom Retiro, morava ali pertinho do Jardim e da Estação da Luz. Cresci na lojinha, comerciantes que eram meus pais na José Paulino. E por longo tempo andei pelas ruas dessaContinuar lendo “Nova Luz”

Miguel Manso: Pacto Nacional pelo Emprego

Publicado originalmente em Blog do Renato:
Em apoio a Flávio Dino e Orlando Silva O Governador Flávio Dino enviou carta ao Presidente da República onde propôs um PACTO NACIONAL PELO EMPREGO, um gesto de boa fé, correto e patriótico. Sugeriu que o presidente organizasse o encontro com governadores, lideres do Congresso Nacional, entidades empresariais e…

O conforto das pessoas é o signo do desenvolvimento

O Centro Celso Furtado tem conduzido debates comemorativos do centenário de nascimento do economista. A marcha a ré que o Brasil engatou nos últimos sete anos exige revisitar a teoria furtadiana para entender e agir na superação do subdesenvolvimento brasileiro. Os convidados de quarta-feira esclareceram que Celso Furtado foi, antes de tudo, um otimista emContinuar lendo “O conforto das pessoas é o signo do desenvolvimento”

Poá desenvolvida economicamente e generosa com o seu povo

Poá é município da Região Metropolitana de São Paulo, situado na sub-região leste. É Estância Hidromineral, margeada pelo Rodoanel Mario Covas, trecho entre a Rod. Pres. Dutra e Via Anchieta. Principal conexão não-automotiva com São Paulo é por via férrea. A cidade tem 117 mil habitantes e uma população ocupada de apenas 29 mil. ConsiderandoContinuar lendo “Poá desenvolvida economicamente e generosa com o seu povo”

Aprender com Celso Furtado

O Centro Celso Furtado comemora o centenário do economista mais estudado do país com uma série de debates ao vivo, renovando suas Políticas para o Desenvolvimento. O tema de terça-feira na Semana Celso Furtado foi o seu livro mais destacado: Formação Econômica do Brasil. Os debatedores foram unânimes quanto à sua atualidade. Como explicou oContinuar lendo “Aprender com Celso Furtado”