Os EUA são inimigos da Europa

Eric Zuesse Historiador e articulista dos EUA, que escreve em diversos sites de geopolítica europeus como o Strategic Culture, The Saker e Rede Voltaire. Tendo sido a Europa o epicentro das duas guerras mundiais do século passado, é sempre oportuno verter ao português opiniões sobre as tensões do mundo de hoje envolvendo o velho continente:Continuar lendo “Os EUA são inimigos da Europa”

Ernesto Araújo sai e Guedes assume a função de criar conflitos com a China

Quando a forma de conter a propagação e atenuar os efeitos decorrentes do coronavírus é, ao lado do isolamento social e uso de máscaras e álcool-gel, a vacinação em massa, vetar a Sputinik e criticar os chineses não ajuda a preservar a nossa vida e retomar a economia. Com informações da Hora do Povo OContinuar lendo “Ernesto Araújo sai e Guedes assume a função de criar conflitos com a China”

Política externa independente para o novo projeto de desenvolvimento nacional

A Cátedra Claudio Campos, da Fundação Maurício Grabois, deu seguimento ao seminário “Nacional-desenvolvimentismo e o novo projeto de desenvolvimento nacional“, tratando na segunda rodada da política externa independente e a defesa nacional. Ao abrir os trabalhos, o titular da cátedra Nilson Araújo rememorou as bases getulistas do nacional-desenvolvimentismo, em que o investimento público, o aumentoContinuar lendo “Política externa independente para o novo projeto de desenvolvimento nacional”

A guerra dos 30 minutos

A breve experiência do Presidente da República no primeiro degrau do oficialato militar deveria ter sido suficiente para aprender a Canção do Exército: A paz queremos com fervor, A guerra só nos causa dor Porém, o “terrorista de baixa potência” saiu da caserna longe de aprender, nos sete mandatos de Deputado Federal que o povoContinuar lendo “A guerra dos 30 minutos”

O grande despautério

Não bastasse denegrir o bom nome do Brasil mundo afora, o senhor Ernesto Araújo serviu-se do palanque de formatura do Instituto Rio Branco para desferir ataques em solo pátrio à diplomacia brasileira, internacionalmente reconhecida pela sua excelência no cumprimento da missão constitucional de paz e integração do povos. Além de ofender o patrono da turma,Continuar lendo “O grande despautério”