Substituir as más pelas boas ações

Tradições antigas reservam o dia de hoje para o pedido de perdão por mal feitos que tenhamos cometido durante a última volta da Terra em torno do Sol que se passou, em busca do novo com a alma lavada. Um tempo de duras provas, diante da dupla dobragem da meta de “uns trinta mil mortos”Continuar lendo “Substituir as más pelas boas ações”

Ficar a Pátria livre!

Quando quase dois séculos depois do rompimento da dependência colonial de Portugal o Brasil é importador de “complexos” trilhos de trem, ainda que em solo pátrio jazem imensas reservas da matéria prima do produto, não se pode dizer que a obra da Independência Nacional tenha sido completada. Quando o minuto silente com que os esportistasContinuar lendo “Ficar a Pátria livre!”

Em defesa da vida, da democracia e do emprego

As fundações partidárias são organismos destinados a estudar o Brasil e formular teoria e prática de políticas públicas para que os partidos a que são vinculadas possam intervir na consecução dos seus propósitos políticos. Quando sete delas – Maurício Grabois; Claudio Campos; Perseu Abramo; João Mangabeira; Leonel Brizola e Alberto Pasqualini; Lauro Campos e MarielleContinuar lendo “Em defesa da vida, da democracia e do emprego”

Basta! A liberdade veste Gaviões

Entre os muitos e belos sambas que disputam o enredo Basta! dos Gaviões da Fiel para o próximo carnaval, está a obra de Obra de Luciano Costa, Felipe Yaw, Fadico, Fionda, Lequinho, Mentirinha, Leonel Querino, Sandro Almeida, Marcelo Valente, Rodrigo Dias, Altemar Magrão e Marcelo Adnet – Intérprete Nego. Sou eu, um filho dessa pátria-mãeContinuar lendo “Basta! A liberdade veste Gaviões”

Charles Chaplin e o Presidente do Brasil

Quando a sensibilidade do artista nos agracia com a essência da figura presidencial, acreditamos não termos exagerado quando lhe fizemos – ao presidente – um paralelo de seus gestos e atos com a ascensão do nazismo na Alemanha de outrora. Por isso, reveste-se de atualidade o discurso de Charles Chaplin no filma “O Grande Ditador”:Continuar lendo “Charles Chaplin e o Presidente do Brasil”

As reformas que o Brasil precisa

O colunista do Valor Econômico Pedro Cafardo publicou em 11.8.2020 Corrida da vacina no país oferece um belo troféu. Não é a ele – o troféu – que vamos nos dedicar, mas às reformas que o editor-chefe do jornal julga não só urgentes como de consenso quanto às suas necessidade. Quanto ao conteúdo, vejamos: EleContinuar lendo “As reformas que o Brasil precisa”

Quão ampla pode e precisa ser a frente democrática

No domingo tivermos o prazer e a honra de rever o emérito professor fluminense Luiz Pinguelli Rosa moderar o debate sobre a necessidade de união nacional pela democracia. O leque de convidados contemplou não só o Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, como também um ministro do Supremo Tribunal Federal e um Governador deContinuar lendo “Quão ampla pode e precisa ser a frente democrática”

Domingão da democracia

Mudar a metodologia de cálculo, que seria “boa para o Brasil”, não vai cortar a propagação viral nem ressuscitar ninguém. Já contamos 36 mil mortos no Brasil. Desse modo, a recomendação dominical é manter-se em casa, apesar do chamado presidencial para que as pessoas compareçam a manifestações que pouco ajudam na defesa da vida eContinuar lendo “Domingão da democracia”

Antifa!

O que têm de comum essas quatro imagens, além da aparição do Exmo. Sr. Presidente da República Federativa do Brasil? O hoje Senador Romário respondeu uma vez a um repórter esportivo que comentava ter sido o milésimo gol dele no mesmo canto que o do Pelé: “ele já me imitava desde aquela época”. A reproduçãoContinuar lendo “Antifa!”

Basta!

Enquanto a assembleia do ICIB gritava Basta! às mais estapafúrdias reproduções de frases e imagens nazistas performadas pelo Presidente da República e seus ajudantes, o mesmo grito ecoava em outras importantes gargantas brasileiras. O “desafio do leite” com os ministros e a “oração a Bolsonaro” com os militares reproduzem como um retrato as imagens doContinuar lendo “Basta!”