O Papa, os sindicatos e os trabalhadores

Sendo o Natal feriado nacional no Brasil, é tempo de congraçamento de todos os brasileiros pelo novo tempo que está nascendo. Do Papa Francisco, Chefe de Estado e personalidade vinculada à efeméride que hoje se comemora em boa parte do mundo, já havíamos trazido considerações sobre a economia de Francisco, o Santo, bem como aContinuar lendo “O Papa, os sindicatos e os trabalhadores”

Hino Sindical

Quem apreciou Futuro Neon e a extensa obra poética de Rosani Abou Adal certamente vai cantar com ela o Hino Sindical, que escreveu em clamo de aumento salarial na União Brasileira de Escritores (pleito atendido!). A música é de Carlos Mahlungo. Sem abono, Sem dissídio, Sem aumento, Estamos em greve. (Bis 3 vezes) Salário emContinuar lendo “Hino Sindical”

Hora do Povo – Edição nº 3.871

Toda a verdade em 8 páginas Descontrolado, no debate da Band Bolsonaro foi agressivo com a jornalista Vera Magalhães, que fez uma pergunta que ele não conseguiu responder. “Vera, não podia esperar alguma coisa de você. Você dorme pensando em mim, tem alguma paixão por mim. Você é uma vergonha para o jornalismo brasileiro”, agrediuContinuar lendo “Hora do Povo – Edição nº 3.871”

Hora do Povo – Edição nº 3.870

Toda a verdade em 8 páginas No comício do Anhangabaú, Lula pronunciou: “ideias libertárias de Tiradentes estão até hoje; queremos soberania, democracia e emprego”. E foi além: “Não tem nenhuma explicação 33 milhões de brasileiros estarem passando fome todos os dias. É falta de vergonha na cara de quem governa”. Leia a cobertura completa. JairContinuar lendo “Hora do Povo – Edição nº 3.870”

Hora do Povo – Edição nº 3.869

Toda a verdade em 8 páginas Empresários, trabalhadores, estudantes, professores, líderes populares, personalidades, políticos e artistas se uniram para dizer que não haverá volta da ditadura. O manifesto da Faculdade de Direito da USP “em defesa do Estado Democrático de Direito” foi lido dia 11 de Agosto no Largo de São Francisco, em São Paulo,eContinuar lendo “Hora do Povo – Edição nº 3.869”

1º de Maio: o reencontro do Pacaembu com os trabalhadores

Publicado originalmente em Blog do Renato:
Há imenso simbolismo na decisão das centrais sindicais brasileiras de celebrar o Dia do Trabalhador na Praça Charles Miller, em frente ao Estádio do Pacaembu, em São Paulo. Este 1º de Maio Unificado de 2022 marcará, por assim dizer, o reencontro do sindicalismo com um dos locais que mais…

O que quer o Brasil que trabalha?

“Nossa força está na unidade e luta por um Brasil mais democrático, soberano e justo” No dia 7 de Abril reuniram-se os trabalhadores brasileiros em sua Conferência Nacional – Conclat 2022. À abertura dos pronunciamentos, Adilson Araújo, presidente da Central dos Trabalhadores e das Trabalhadoras do Brasil, proferiu o sintético libelo pelo reconhecimento dos valoresContinuar lendo “O que quer o Brasil que trabalha?”

Conclat 2022 – Emprego, direitos, democracia e vida

Nos anos 1980 reuniam-se os trabalhadores na Praia Grande para apontar rumos para si e para o Brasil. Participamos do encontro de 1983, na delegação do Sindicato dos Engenheiros de São Paulo. Quando agora as centrais se unem para buscar direitos que vem sendo subtraídos aos brasileiros, é oportuna a chamada à Conferência de 2022.Continuar lendo “Conclat 2022 – Emprego, direitos, democracia e vida”

‘Governo implodiu mesa de negociação, indignação dos servidores é geral’, diz presidente do Fonacate

Com informações da Hora do Povo O presidente do Fórum Nacional das Carreiras Típicas de Estado (Fonacate), Rudinei Marques, afirmou que, com a implosão das mesas de negociação e diálogo com os servidores no governo Bolsonaro, há ânimo e insatisfação suficiente para que a categoria mobilize uma greve geral nas próximas semanas, em defesa doContinuar lendo “‘Governo implodiu mesa de negociação, indignação dos servidores é geral’, diz presidente do Fonacate”

Sobre o reajustamento dos salários dos servidores públicos

Não que haja uma data-base para os servidores públicos, como sucede entre os trabalhadores do setor privado organizados em sindicatos por categoria econômica ou profissional. Mas a previsão orçamentária obrigatória para a despesa pública induz ao ciclo anual de elaboração da peça legal a atenção do setor. No caso do segmento civil da União aContinuar lendo “Sobre o reajustamento dos salários dos servidores públicos”