Tempo de travessia

O dileto filho da Ilha Encantada Thiago Andrade já havia nos legado um projeto de cidade com Uma só Santos. Desta vez a sua generosidade transcende as fronteiras regionais, lembrando que a “mãe de todas as batalhas” é pela vida: “É o tempo da travessia: e se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nósContinuar lendo “Tempo de travessia”

Santos: minha escolha de vida na aposentadoria

Há uma ligação pré-natal: meus avós e pais aqui aportaram vindo da Europa e, estabelecidos na capital, tinham Santos por sua praia, hospedados pelos Brickmann no José Menino. Nos anos 1950, consorciaram-se com outros imigrados do Bom Retiro para construir o Edifício Porto, na Alexandre Martins. Eu mesmo frequento a praia de Santos desde queContinuar lendo “Santos: minha escolha de vida na aposentadoria”

Cidades inteligentes são cidades democráticas

Thiago Andrade Nesse momento tão delicado da vida nacional, de terreno fértil para o medo, e justificada pressa e angústia, gerados pela pandemia de COVID 19, que já tirou a vida de quase 200 mil brasileiros e brasileiras, é fundamental que os esforços conjuntos dos entes federativos e da sociedade sejam cada vez mais sinérgicos,Continuar lendo “Cidades inteligentes são cidades democráticas”

Jacinto, o Sansão do Porto de Santos

Santos e seu Porto foram feitos por pessoas. Se já contamos a história de Guilherme Guinle, engenheiro filho do concessionário original e descobridor do petróleo no Brasil, agora é a vez de Amanda e Ilana Bastos, do paulistano Café Helena, lembrarem dos tempos em que o café era carregado sobre os ombros dos operários portuários.Continuar lendo “Jacinto, o Sansão do Porto de Santos”

Coronavírus: Santos não está preparada para nova onda de covid 19

Paulo Passos, para o Sindest Quando a segunda onda de covid 19 chegar ao Brasil, Santos não estará preparada para neutralizá-la e não atenderá suas vítimas com eficiência na rede pública de saúde. A opinião é do presidente do sindicato dos servidores municipais estatutários (Sindest), Fábio Marcelo Pimentel. Em ‘live’ da entidade na sexta-feira, eleContinuar lendo “Coronavírus: Santos não está preparada para nova onda de covid 19”

Edson Arantes, o Pelé

Corintiano de nascença que sou, muito sofri com as diatribes do mineiro que se fez santista e completou 80 anos na última sexta-feira. Lembro ainda hoje o quanto foi difícil romper o tabu enquanto Pelé esteve em campo. E, nas transmissões televisivas desde o México, ver ao vivo a conquista do tri em 1970. FãContinuar lendo “Edson Arantes, o Pelé”

Santos comprometida com o desenvolvimento metropolitano

Reduzir desigualdades com soluções regionais Muita gente mora em Santos e trabalha nos municípios vizinho e vice-e-versa; em termos de comércio e lazer, o movimento transmunicipal também é grande. Dessa forma, as pessoas têm necessidades a serem atendidas para além do município de residência Do programa do Movimento 65 O advento do novo Estatuto daContinuar lendo “Santos comprometida com o desenvolvimento metropolitano”

Santos democrática, com gestão colaborativa, transparente e eficiente

Reduzir desigualdades levando a cidade para todos os santistas Extraído do Programa do Movimento 65 É próprio da democracia a aferição permanente da vontade dos munícipes quanto aos rumos do desenvolvimento da sua cidade. São eles próprios que, de acordo com sua capacidade contributiva, formam os fundos municipais e a eles cabe direcionar a AdministraçãoContinuar lendo “Santos democrática, com gestão colaborativa, transparente e eficiente”

Santos da inovação, do desenvolvimento tecnológico e do conhecimento

Reduzir desigualdades igualando oportunidades na formação do cidadão Extraído do programa do Movimento 65 Cada criança santista que vem ao mundo precisa de igual oportunidade de se tornar, no futuro, um adulto saudável e socialmente responsável. Assim, os Poderes públicos precisam complementar os esforços familiares, comunitários e privados para a formação dos novos cidadãos. AContinuar lendo “Santos da inovação, do desenvolvimento tecnológico e do conhecimento”

Santos do desenvolvimento econômico, do emprego e da geração de renda

Reduzir desigualdades gerando mais empregos de qualidade Extraído do programa do Movimento 65 Quando se pensa na economia santista, a primeira imagem que vem à mente é o porto, cujo movimento é o maior não só do país como de todo o continente sul-americano. A própria urbanização da cidade conheceu primeiro a zona retro-portuária paraContinuar lendo “Santos do desenvolvimento econômico, do emprego e da geração de renda”