A saída da Ford e os salários rebaixados

Henry Ford, o criador dos veículos automotores e do método de produção que levam o seu nome, procurava oferecer aos seus empregados elevados salários, não só para motiva-los ao trabalho nas fábricas, mas principalmente para que pudessem comprar o seu produto: ter seu próprio carro. Há cem anos a multinacional iniciava a montagem dos modelosContinuar lendo “A saída da Ford e os salários rebaixados”

AUXÍLIO EMERGENCIAL JÁ, OU FOME E MORTE!

José Pascoal Vaz Pascoal Vaz é titular da coluna Economia sem Complicação, que vai ao ar na Manhã Litoral da Rádio Brasil Atual* às terças-feiras, a partir das 9 horas. Sua sensibilidade à calamidade pública que aflige a gente do Brasil recomenda a leitura do seu artigo abaixo, originalmente publicado em A Tribuna dia 22.12.2020.Continuar lendo “AUXÍLIO EMERGENCIAL JÁ, OU FOME E MORTE!”

Criatividade para a justiça social

Assim resumiu o jornalista Rodrigo Bertolino a entrevista que que concedemos ao Manhã RBA Litoral de 22.9.2020. Sob o comando de Tania Maria, lá estivemos na companhia do economista José Pascoal Vaz, da coluna Economia sem Complicação. Se em 18 de Agosto abordávamos as finanças públicas em tempos de pandemia, tema que infelizmente guarda aindaContinuar lendo “Criatividade para a justiça social”

Centrais Sindicais lançam a Campanha #600peloBrasil

São Paulo, 17 de setembro de 2020 ABAIXO-ASSINADO: Pela manutenção do auxílio emergencial de 600 reais até dezembro  CUT, Força, UGT, CTB, CSB, NCST, CGTB, Intersindical, CSP-Conlutas, Intersindical e Pública iniciam conjuntamente, nesta quinta-feira (17/09), mobilização nacional para que o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, coloque em votação a Medida Provisória 1000, publicada pelo governo federalContinuar lendo “Centrais Sindicais lançam a Campanha #600peloBrasil”

Pacto nacional pelo emprego

Precisamos usar todos os recursos financeiros e institucionais de que dispomos FLÁVIO DINO Quando Franklin Roosevelt precisou reerguer a economia dos Estados Unidos depois da Grande Depressão, ele estruturou o New Deal, um plano de investimento em obras públicas e instituição de direitos trabalhistas. Estamos em um similar momento emergencial, com mais de 100 milContinuar lendo “Pacto nacional pelo emprego”

Salvar vidas e a economia, aponta Direitos Já!

De liberais a comunistas, Direitos Já! Fórum pela Democracia, coordenado pelo sociólogo Fernando Guimarães e que congrega representantes de 17 partidos políticos, reuniu dez expoentes da nacionalidade para estabelecer uma agenda econômica mínima capaz de, ao mesmo tempo, salvar vidas e reativar a economia brasileira. Concluem os redatores: O Brasil não precisa inventar a roda: tem capacidadeContinuar lendo “Salvar vidas e a economia, aponta Direitos Já!”

Brasil na contramão do mundo

Para nossa tristeza e sofrimento, temos servido de parâmetro global do que não deve ser feito nestes tempos sombrios. O Presidente Trump, dos EUA, declarou: “Teríamos 2 milhões de mortos se tivéssemos seguido Brasil e Suécia.” Que mau exemplo temos dado ao mundo? Elucidamos alguns dos mais relevantes aspectos da ação federal em A saúdeContinuar lendo “Brasil na contramão do mundo”

Incompetência ou sabotagem?

Ontem tratamos da demora do auxílio federativo às prefeituras e governos de Estado que estão na linha de frente do combate ao coronavírus. Hoje nos deparamos com o levantamento da Exma. Sra. Deputada Federal Erika Kokai sobre as ações federais diretas de defesa da saúde. Em quase três meses de sofrimento e mortes, nem 20%Continuar lendo “Incompetência ou sabotagem?”

Como trabalhar com um chefe destes?

Provavelmente foi figurativa a linguagem. Mas quando o chefe dos servidores públicos diz que cada um tem que trabalhar “com uma granada no bolso”, como assegurar um bom desemprenho dos seus subordinados? Com duzentos reais por mês? O sujeito não fez, nem muito menos passou, em qualquer concurso público, nem aqui nem no Chile. AchaContinuar lendo “Como trabalhar com um chefe destes?”

Fiesp e a retomada

Enquanto líamos sobre os projetos da Confederação Nacional da Indústria (CNI) de incentivo à aquisição de produtos nacionais pela população brasileira, inspirado no Buy American do pós-crise global de 2008, chegou-nos estudo da entidade fundada por Roberto Simonsen sobre a retomada, datado de um mês atrás. A minuta apresentada pela Federação da Indústrias dos EstadoContinuar lendo “Fiesp e a retomada”