Reformar o Estado para melhorar, não para destruir

O Fórum Nacional Permanente das Carreiras Típicas de Estado – Fonacate – já havia apresentado, em duas rodadas, os sete primeiros Cadernos da Reforma Administrativa, no sentido de qualificar o debate mal tratado pelo governo federal no dia de ontem. Recorde em O Estado que queremos para o Brasil e em A avaliação do servidor público.

A 20 de agosto de 2020 foi lançado o Caderno nº 8, que trata do assédio ao funcionário público quando da expressão de suas opiniões sobre o país a que serve. Se o compromisso do servidor é com a sociedade e o bem público, não pode estar subserviente subordinado a governos e chefes que deles esperem adulação – proibida por lei, diga-se de passagem -, mesmo por eventuais desvios da função pública.

O dia 3 de setembro de 2020 foi reservado à apresentação dos cadernos seguintes, que detalham o necessário aperfeiçoamento das normas fiscais brasileiras e a essencialidade do planejamento e boa governança governamentais.

Se é para alcançar a excelência na prestação estatal de serviços, o melhor a fazer é ouvir os profissionais de carreira, concursados, estáveis e legal e pessoalmente comprometidos com o Estado nacional.

Publicado por Iso Sendacz

Engenheiro Mecânico pela EESC-USP, Especialista aposentado do Banco Central, diretor do Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central e do Instituto Cultural Israelita Brasileiro, membro da direção estadual paulista do Partido Comunista do Brasil. Nascido no Bom Retiro, São Paulo, mora em Santos.

Um comentário em “Reformar o Estado para melhorar, não para destruir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: