Quadrinhos – parte IV

Poucos artistas brasileiros foram ou são capazes de captar a alma nacional, o jeito de ser brasileiro, como o é o desenhista Maurício de Souza. Quem no país, e até no exterior, não conhece a Turma da Mônica, cuja inspiração são suas próprias filhas e as crianças da vizinhança onde morava.

Na entrevista ao Último Segundo, a própria Mônica Souza registra sua história: Se me tiravam do sério eu dava umas coelhadas.

Monica Souza

Seus personagens traziam cada um uma característica da nossa formação cultural, e não se limitavam à cena urbana. Um dos mais queridos é sem dúvida o Chico Bento:

Maurício nos ensinou sobre muitas outras turmas, como as origens dos Sapiens, com o solteiro e revolucionário Piteco, e mesmo antes, com o simpático dinossauro Horácio.

Vencendo a pandemia

Não houve campanha educativa ou de interesse público que Maurício de Souza e sua equipe tivessem se omitido de contribuir com suas histórias e personagens. A ele e à infância brasileiro, o nosso muito obrigado.

Paz no futebol
Saiba de tudo!

Continua

To be continuedA continuación

Publicado por Iso Sendacz

Engenheiro Mecânico pela EESC-USP, Especialista aposentado do Banco Central, diretor do Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central e do Instituto Cultural Israelita Brasileiro, membro da direção estadual paulista do Partido Comunista do Brasil. Nascido no Bom Retiro, São Paulo, mora em Santos.

6 comentários em “Quadrinhos – parte IV

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: