Indústria: transformação digital, descarbonização e integração econômica

O Centro de Estudos de Integração e Desenvolvimento (CINDES) tem feito um esforço sistemático em busca de respostas à questão crítica da reindustrialização e da inserção deste setor em um mundo em transformação para o desenvolvimento econômico e social do Brasil.

Sérgio Fausto, da Fundação FHC, trouxe o economista José Augusto Coelho Fernandes, pesquisador do CINDES e ex-diretor da CNI, para expor o seu trabalho, com comentários de André Clark, da Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústrias de Base, e Pedro Wongtschowski, do Conselho Superior de Inovação e Competitividade da Fiesp.

Os debatedores destacaram que a indústria segue importante e desejável no Brasil, não obstante de hoje contribuir com apenas 11% do Produto Interno Bruto.

É na indústria que se concentra a maioria do investimento privado em pesquisa e são pagos os maiores salários e impostos. Ademais, o bom funcionamento do agronegócio e do comércio, serviços e sistema financeiro é alicerçado nos bens produzidos pelo setor de transformação. De outro lado, a substituição da produção local por importação tem onerado toda a cadeia produtiva e de consumo no Brasil.

O lento crescimento do PIB percapita brasileiro demonstra, na prática, que a desindustrialização precoce do país não se constituiu em fator gerador de riqueza para os brasileiros.

Também dirigente de empresa estrangeira de energia, Clark noticiou que, no mundo, o debate se concentra em três aspectos: inteligência artificial, mudanças climáticas e saúde. Em todos eles, o Brasil, que detém diversidade de fontes renováveis ímpar no planeta em sua matriz energética, tem longo caminho a percorrer e muito a contribuir.

Do Estado, os líderes esperam, além de um sistema tributário que privilegie a produção em relação à especulação financeira, compromisso com educação de qualidade, para formar os criadores das soluções necessárias ao desenvolvimento sócioeconômico do Brasil.

O webinar “Desafios da inserção da indústria brasileira em um mundo em transformação” contou com a co-mediação da economista Sandra Polónia Rios e a presença de outros especialistas em indústria.

Publicado por Iso Sendacz

Engenheiro Mecânico pela EESC-USP, Especialista aposentado do Banco Central, conselheiro da Casa do Povo, CNTU e Aguaviva, membro da direção estadual paulista do Partido Comunista do Brasil. Foi presidente regional e diretor nacional do Sinal. Nascido no Bom Retiro, São Paulo, mora em Santos.

Um comentário em “Indústria: transformação digital, descarbonização e integração econômica

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: