Quem tem fome, tem pressa

Escrevo estas apressadas linhas para registrar que o Brasil amanheceu hoje sem a sanção presidencial ao projeto de ajuda emergencial àqueles que estão e devem ficar em casa.

O custo da ajuda mínima é de módicos R$ 14,4 bilhões por mês, algo que qualquer dos dez maiores bilionários do país dispõe para gastar.

O programa todo, de otimistas três meses para a retomada do emprego de ontem, representa cerca de 10% das despesas financeiras do ano, endereçadas à gente que pode esperar um pouco para receber os juros.

Mas o que o Presidente tem feito é desobedecer os médicos e incentivar as aglomerações de hordas de seguidores nas ruas, de resto expondo a polícia mais ainda ao vírus e lotando a cadeia de infringentes ao artigo 268 do Código Penal.

Ainda que a proposta original tenha sido triplicada no debate do Congresso, nestas últimas semanas o governo federal não preparou o sistema de processamentos de dados para a imediata concessão do benefício.

Se incertezas tínhamos quando publicamos Eugenia ao Cubo e líamos sobre os transtornos mentais de Bolsonaro, a indesculpável demora em colocar comida no prato dos brasileiros nos leva à certeza de que ele não está à altura do cargo.

Afinal, se salvar vidas é o centro da luta, é justo dizer que quem tem fome tem pressa. E prioridade.

Reproduzido na Hora do Povo.

Publicado por Iso Sendacz

Engenheiro Mecânico pela EESC-USP, Especialista aposentado do Banco Central, diretor do Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central e do Instituto Cultural Israelita Brasileiro, membro da direção estadual paulista do Partido Comunista do Brasil. Nascido no Bom Retiro, São Paulo, mora em Santos.

Um comentário em “Quem tem fome, tem pressa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: