PCdoB: o Brasil quer vacina, emprego e desenvolvimento; o partido chama à Frente Ampla contra Bolsonaro e em defesa da vida

FRENTE AMPLA CONTRA BOLSONARO E EM DEFESA DA VIDA

“No quadro internacional as crises do mundo do trabalho; da disputa geopolítica; e da economia; somadas à segunda onda da pandemia, se aprofundam e adiam as expectativas de uma retomada mesmo parcial de crescimento econômico dos países capitalistas. A derrota de Trump e a posse de Joe Biden interrompem a escalada de confrontação e impõe importante derrota ao negacionismo. Essa mudança na política dos EUA aumenta o isolamento da postura submissa de Bolsonaro. É notório o crescimento da importância da China socialista na economia, na ciência e na solidariedade com os povos.

“No Brasil, o ano de 2021 começou sob a marca da aceleração da crise econômica e da tragédia imposta pelo governo de Bolsonaro. Os preços disparam sem controle, as indústrias fecham e se mudam do Brasil, alastrando a miséria que invade os lares brasileiros. Governo que, não conseguindo seu intento principal que era romper a ordem democrática e impor um regime autoritário, vai desconstruindo as bases do Estado nacional, desindustrializando e desarticulando nossa economia, ampliando o desemprego e atacando os direitos sociais.

“Com atitude genocida, segue desdenhando a necessidade de vacinação, dificulta e sabota a de coordenação. A tragédia de Manaus é a face mais cruel de uma atitude de desdém com a vida e com a saúde do povo. Cresce a desaprovação ao Governo Bolsonaro, o povo se manifesta contra a tragédia e o descaso de Bolsonaro e Pazuello. Por todos esses crimes, Bolsonaro merece sofrer o impeachment, assim como deve responder diante da justiça por crime de responsabilidade por mais de 220 mil mortes no país.

“A segunda onda da pandemia, com novas variantes mais agressivas do vírus, o desemprego, o fim do auxílio emergencial, o aumento do custo de vida e a postura cada vez mais desqualificada do presidente acelera e aprofunda a crise política, econômica e social, exigindo cada vez mais respostas. A vitória nas mesas do Congresso Nacional, alimentadas por emendas bilionárias, procura conter a possível abertura de processo de Impeachment. Aumenta a unidade dos partidos de oposição e a articulação da Frente Ampla contra Bolsonaro.

“Para enfrentar este descalabro, o PCdoB propõe, sustenta e avança na construção de Ampla Frente em Defesa da Democracia, da Vida e do Emprego.  Defende a compra imediata das vacinas pelo governo federal; reforça todas as iniciativas pela Vacina Já, por um plano eficaz para imunizar toda a população ainda nesse primeiro semestre.  O PCdoB defende a retomada imediata do auxílio emergencial e das medidas efetivas de incentivos as micro, pequenas e médias empresas, proteção do emprego e dos direitos dos trabalhadores.”

A Resolução trata também de questões internas de organização, para concluir:

“Vivemos uma crise sem precedentes. O posicionamento e mobilização política do Partido é elemento indispensável para a luta de nosso povo. Frente Ampla contra Bolsonaro, em defesa da vida.”

Publicado por Iso Sendacz

Engenheiro Mecânico pela EESC-USP, Especialista aposentado do Banco Central, diretor do Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central e do Instituto Cultural Israelita Brasileiro, membro da direção estadual paulista do Partido Comunista do Brasil. Nascido no Bom Retiro, São Paulo, mora em Santos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: