Marina Sendacz: duas histórias

Para crianças de 8 a 120 anos

Quando, nos anos 1980, a Editora Paulina trouxe de Marina Sendacz a História da Borboleta, duas outras foram contadas pelas tintas da artista plástica: Ploft, o pinguim de geladeira e O ponto amarelo.

As pranchas integram o novo livro, que aguarda a vacinação de todos para o lançamento ao público. Segundo a autora:

O Ploft e o Ponto Amarelo são contemporâneos; eu os concebi na década de 80. Ambos ficaram guardados numa pasta por todos esses anos. Até eu achar que eles estavam prontos para vir à luz. Considero-os muito atuais. Eles estão sendo publicados no mesmo volume porque são muito parecidos e muito diferentes ao mesmo tempo, se complementam. Representam a trajetória da descoberta do mundo e dos acréscimos de suas descobertas na vida deles.

Em breve…

Marina Sendacz é pedagoga, escritora, artista plástica e a primogênita de nós. Foi presidente do ICIB/Casa do Povo e curadora da Fundação Sidônio Muralha.

Dela também Enquanto isso…

Publicado por Iso Sendacz

Engenheiro Mecânico pela EESC-USP, Especialista aposentado do Banco Central, diretor do Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central e do Instituto Cultural Israelita Brasileiro, membro da direção estadual paulista do Partido Comunista do Brasil. Nascido no Bom Retiro, São Paulo, mora em Santos.

2 comentários em “Marina Sendacz: duas histórias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: