A crise financeira de Estados e Municípios

Após a conclusão, em Setembro de 2020, do nosso curso sobre o Dinheiro, sua história e a acumulação financeira, a Escola Nacional de Formação da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB) traz José Carlos de Assis para tratar da situação fiscal subnacional.

Nas primeiras duas de quatro aulas, o professor, economista e doutor em engenharia Assis tratou dos conceitos de teto de gastos e responsabilidade fiscal e do sufocamento municipal e estadual pela esfera federal, prejudicadas na sua prestação de serviços públicos pela não transferência de R$ 1,38 trilhão da União para os Estados. A saída apontada passa por uma reforma tributária federativa e a mudança de paradigmas legais que permitam mais investimentos públicos, saúde e educação.

Dias 20 e 27 de Outubro acontecem as próximas aulas, sempre às 19 horas. Você pode, e merece, acompanha-las ao vivo no Canal da CTB.

Publicado por Iso Sendacz

Engenheiro Mecânico pela EESC-USP, Especialista aposentado do Banco Central, diretor do Instituto Cultural Israelita Brasileiro, conselheiro da CNTU, membro da direção estadual paulista do Partido Comunista do Brasil. Nascido no Bom Retiro, São Paulo, mora em Santos.

2 comentários em “A crise financeira de Estados e Municípios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: