Setembro amarelo: prevenção ao suicídio

Desde que o rosa identificou outubro como mês dedicado ao esclarecimento, prevenção e tratamento do câncer de mama, seguido pelo azul da próstata em novembro, as cores chamam atenção a temas da saúde pública todos os dias.

Mas o amarelo setembrino aborda um que não tem cura: o suicídio!

A psicóloga Roberta Pio Soares esteve no DebatePapo Cast conversando com Ricardo Rocha a respeito:

Ouvir sem juízo moral ou religioso quem está em grande sofrimento e pensa em dar cabo da própria vida é o primeiro conselho da especialista. O apoio institucional, familiar e social pode fazer toda a diferença e reduzir o número de casos detalhados na conversa. As pessoas com transtornos mentais, que têm dificuldade em controlar seus impulsos, requerem ajuda especial, como ela detalha.

Falar – e ouvir – com quem está propenso ao suicídio pode fazer toda a diferença, informa Roberta. Os dados internacionais mostram que 90% dos casos registrados eram evitáveis.

Roberta Pio Soares é neuropsicóloga e psicoterapeuta, diretora do Instituto Centelha de Vida de Neuropsicologia e mora em Itanhaém.

11 9 9907 0614

@robertapiohsoares

O CVV – Centro de Valorização da Vida realiza apoio emocional e prevenção do suicídio pelo telefone 188, além de emeio e chat, 24 horas por dia.

Publicado por Iso Sendacz

Engenheiro Mecânico pela EESC-USP, Especialista aposentado do Banco Central, conselheiro da Casa do Povo, EngD, CNTU e Aguaviva, membro da direção estadual paulista do Partido Comunista do Brasil. Foi presidente regional e diretor nacional do Sinal. Nascido no Bom Retiro, São Paulo, mora em Santos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: