11 FORMAS DE LIDAR COM A AGRESSIVIDADE DA PESSOA COM ALZHEIMER

Reproduzido do Alzheimer360

Muitas vezes, a pessoa com a Doença de Alzheimer pode apresentar quadros de agressividade.

Veja abaixo estas 11 dicas para lidar com a agressividade das pessoas com Alzheimer:

1 – Descubra o motivo

O primeiro passo é descobrir o motivo da agressividade. Caso consiga descobrir, você poderá tentar resolver o problema e evitar que essa situação ocorra novamente no futuro.

2 – Use distrações

Em momentos de crises de agressividade, tente distrair o idoso com algo que ele goste. Pode ser um livro, uma música ou um programa de TV que sirvam de distração. Outra opção é sugerir um passeio ou uma atividade.

3 – Evite repreensões

Repreendê-lo de forma brusca pode piorar a situação. Lembre-se que ele está nervoso por causa da doença, e a repreensão não vai resolver o problema.

4 – Seja compreensivo

Nunca se esqueça que a agressividade é causada pelo Alzheimer. Isso vai ajudar você a compreender melhor esses incidentes.

5 – Cuidado ao se aproximar

Fale com calma e pergunte o que pode fazer para ajudar, sempre mantendo o contato visual. Nesse momento não faça movimentos bruscos nem toque no idoso sem que ele esteja esperando.

6 – Proteja as pessoas ao redor

Em caso de crises muito fortes de agressividade, tente retirar do alcance da pessoa com Alzheimer objetos que podem machucá-la ou ferir quem está ao redor, como objetos cortantes, por exemplo.

7 – Reduza os estímulos

Quando a pessoa com Alzheimer estiver agressiva ou nervosa, diminua os estímulos ao redor para deixar o ambiente mais tranquilo. Desligue sons e TVs ou convide o idoso para ir a um cômodo mais calmo, por exemplo.

8 – Organize o ambiente

Tem um ambiente limpo e organizado, sem muitos estímulos sonoros e visuais, pode ajudar a deixar a pessoa mais calma e evitar a ansiedade e a agressividade.

9 – Não apresse

É preciso ter paciência e não apressar o idoso em suas atividades diárias, como alimentação ou higiene pessoal, por exemplo.

10 – Não force atividades

Caso ele se recuse a fazer alguma atividade, tente convencê-lo e não obrigá-lo. Isso pode levar a uma estado de agressividade.

11 – Procure um médico

Se os surtos de agressividade estiverem ficando muito fortes ou muito frequentes, é hora de consultar o médico.

O Alzheimer360 é a primeira plataforma de ensino on-line voltada para orientar e facilitar o cuidado de pessoas com Alzheimer. A plataforma oferece curso gratuito para cuidadores

Publicado por Iso Sendacz

Engenheiro Mecânico pela EESC-USP, Especialista aposentado do Banco Central, conselheiro da Casa do Povo, EngD, CNTU e Aguaviva, membro da direção estadual paulista do Partido Comunista do Brasil. Foi presidente regional e diretor nacional do Sinal. Nascido no Bom Retiro, São Paulo, mora em Santos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: