Imperialismo causa inflação

Brasil de Fato

Em entrevista, o economista Leonardo Leite chama atenção para o papel do Brasil como país periférico na economia mundial e explica alta de preços além dos aspectos monetários.

A inflação não é apenas um fenômeno monetário, que pode ser resolvido com pequenas reformas na política econômica. Ela está ligada ao papel que os países desempenham no capitalismo global, como ditam ou absorvem tendências, e para onde são transferidas suas riquezas.

É sob esse olhar que o economista Leonardo Leite, professor da Universidade Federal Fluminense (UFF), analisa um problema que intriga desde o Fundo Monetário Internacional (FMI) até os milhões trabalhadores que perderam renda na pandemia e se deparam com o aumento dos preços nos supermercados.

“Sabe o que mais causa inflação nos países periféricos? O imperialismo!”, escreveu Leite no último dia 13, em sua conta no Twitter.

Entre críticas e elogios, a postagem – que explica e demonstra graficamente sua hipótese – fez com que ele dobrasse o número de seguidores na rede social.

Para o professor da UFF, a repercussão demonstra a atualidade do tema e a pertinência da análise, que ele pretende desenvolver em pesquisas acadêmicas.

O imperialismo, a que Leite se refere, é o conjunto de políticas de domínio econômico, político e cultural que os países ricos exercem sobre aqueles que estão na periferia do capitalismo global, como o Brasil.

O economista, que integra o Núcleo Interdisciplinar de Estudos e Pesquisas sobre Marx e o Marxismo (Niep-Marx), explica por que aumentar a taxa de juros não resolverá o problema do acesso a mercadorias e alimentos.

Na interpretação dele, o problema requer mudanças estruturais, que envolvem desde o incentivo à agricultura familiar até uma reforma urbana.

Confira a entrevista (1.605 palavras) e três vídeos sobre economia no Brasil de Fato.

Prof. Leonardo de Magalhães Leite, da UFF

Matéria de Daniel Giovanaz para o Brasil de Fato, publicada em 28.10.2021.

Publicado por Iso Sendacz

Engenheiro Mecânico pela EESC-USP, Especialista aposentado do Banco Central, diretor do Instituto Cultural Israelita Brasileiro, conselheiro da CNTU e Aguaviva, membro da direção estadual paulista do Partido Comunista do Brasil. Foi presidente regional e diretor nacional do Sinal. Nascido no Bom Retiro, São Paulo, mora em Santos.

Um comentário em “Imperialismo causa inflação

  1. COMANDANTE

    Bom dia!

    Avise ao expert que grande parte da produção industrial do mundo está na CHINA ….. que pelo que saiba …. NÃO É CAPITALISTA …. nem aqui nem na própria….

    Abraços !

    Paulo Marcos F. Cossa

    Diretor

    R. Afonso Celso, 1629 – 4º andar – V. Mariana São Paulo, SP – Brasil 04119-062

    (11) 5070 – 0047

    (11) 99129 – 4149

    http://www.delcossa.com.br

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: