Guedes chantageia trabalhadores e empresários para manter programa de Emprego e Renda

Carlos Alberto Pereira, na Hora do Povo

Depois de postergar por quatro meses, em plena expansão catastrófica da pandemia, Guedes fez a chantagem de adiar de julho para janeiro de 2022 o início do pagamento do Abono Salarial – um salário mínimo que todo trabalhador que ganha até dois mínimos tem direito -, condicionando a renovação do Benefício Emergencial de Preservação de Emprego e Renda (BEm) ao adiamento daquele benefício.

O Programa de Benefício Emergencial garantiu, em 2020, contrapartida proporcional de até R$ 1.800,00 para a suspensão dos contratos e redução da jornada de trabalho. A medida permitiu a concretização de 20 milhões de acordos, tirando da guilhotina o emprego de 10 milhões de trabalhadores, livrando da falência um milhão e meio de micros, pequenas e médias empresas e garantindo a estabilidade por igual período depois do término do acordo. Custo R$ 32 bilhões. Os números foram apresentados pelo Ministério da Economia.

Na semana passada, as Centrais Sindicais assinaram nota no mesmo sentido: “Diante do agravamento da pandemia, se faz urgente recriar o benefício aos trabalhadores com objetivo de evitar uma nova onda de demissões”.

Segundo Adilson [Araújo, da CTB], “o Congresso norte-americano aprovou 1,9 trilhão de dólares em investimento público para infraestrutura, tecnologia e a metade para auxílio desemprego e auxílio emergencial para as famílias e no mesmo sentido, vimos o Reino Unido liberar 6,5 milhões de Libras”. E concluiu:

O Brasil deve seguir neste caminho. Precisam parar com essa sacanagem de a toda hora ficar metendo a mão no bolso do trabalhador.

(+391 palavras, Hora do Povo)

Publicado por Iso Sendacz

Engenheiro Mecânico pela EESC-USP, Especialista aposentado do Banco Central, diretor do Instituto Cultural Israelita Brasileiro, conselheiro da CNTU e Aguaviva, membro da direção estadual paulista do Partido Comunista do Brasil. Foi presidente regional e diretor nacional do Sinal. Nascido no Bom Retiro, São Paulo, mora em Santos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: